A Compaixão do Bodisattva

Palestra pública em Brasília no dia 12 de janeiro de 2018 às 19h com o Lama Tilmann Lhundrup.

A compaixão é um aspecto central do caminho budista. Expressa na figura do boddhisasttva, alguém que pratica para a liberação de todos os seres e não apenas em benefício próprio. Em tempos de crise e conflitos por toda parte, o amor e a compaixão se fazem ainda mais necessários, manifestos nas atividades e nas atitudes de nossa vida diária.

     Sobre esse tema, a comunidade Karma Kagyu de Brasília convida para a palestra “A Compaixão do Bodhisattva” do professor Tilmann Lhundrup.

DATA: sexta feira, 12 de janeiro de 2017

TEMA: A Compaixão do Bodhisattva

LOCAL: SHIGS 708, bloco I, casa 03, asa sul, Brasília

HORÁRIO: 19h

CONTRIBUIÇÃO SUGERIDA: R$ 30,00

Palestra aberta à comunidade em geral.

Será proferida em inglês com tradução simultânea para o português.

Haverá cadeiras, se preferir, leve sua almofada.

Não percam!

SOBRE O PROFESSOR

O então médico Tilmann Lhundrup começou a praticar o budismo em 1978. Fez dois retiros de três anos da tradição Kagyu. Foi monge desta tradição por 21 anos.

Recebeu e praticou os ensinamentos Mahamudra sob a orientação direta e contínua do Lama Gendun Rinpoche. De 1994 a 2011 foi um dos professores responsáveis por transmitir os ensinamentos Mahamudra nos retiros tradicionais de vários anos de duração em Kundreul Ling, na França.

Realizou seminários sobre “Dharma e Psicoterapia” por vários anos, o que levou, em 2009, à fundação do “Instituto de Psicoterapia Essencial” na Alemanha, onde é um dos principais professores. Também ministra cursos de meditação em diversos países, atua na formação de professores do Dharma e na tradução de textos budistas em tibetano.

É um dos fundadores do Instituto Ekayana, um centro de retiros onde se enfatiza a prática meditativa e o ensino não dogmático e não sectário da tradição. Vêm anualmente ao Brasil, dedicando-se nos últimos seis anos à transmissão de ensinamentos Mahamudra em retiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *